- Contemplado em 2019, Imesc participa da 3ª edição do Selo Municipal de Direitos Humanos e Diversidade 2020

O Instituto de Medicina Social e de Criminologia de São Paulo (Imesc) concretizou a sua inscrição, nesta quinta-feira (20), e participa, pela segunda vez consecutiva, da seleção para o Selo Municipal de Direitos Humanos e Diversidade 2020, idealizado pela Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania, direcionado para organizações do terceiro setor, empresas públicas, privadas e de economia mista e órgãos públicos por iniciativas, projetos, programas ou ações voltadas à diversidade e inclusão.

O Instituto participa na categoria "Infância e Adolescência" com o projeto "Facilitação do Acesso à Justiça pela Universalização da Coleta de Material Biológico para exames de DNA", por intermédio do Imesc e TJSP (Cejuscs) e apresenta um modelo de rotina mais simplificado para coleta de material biológico (sangue periférico por punção digital ou células da mucosa bucal por swab oral) para perícias de investigação de vínculo genético (exames de DNA). 

Os exames são utilizados em mediações pré-processuais perante os Centros Judiciários de Soluções de Conflitos (Cejuscs). A coleta de material biológico para perícias de investigação de vínculo genético (exame de DNA) é descentralizada, ocorrendo nos vários Cejuscs do Estado de São Paulo. O cidadão que necessitar deste serviço não precisa se deslocar até o Imesc, bastando se dirigir ao Cejusc mais próximo da sua residência. As coletas decorrentes de perícias solicitadas pelos Cejuscs da Capital e da Grande São Paulo são realizadas na sede do Instituto.

Em 2019 o Imesc foi contemplado com o Selo, que estava em sua 2ª edição, com o Projeto "Brinquedoteca: Espaço de Acolhimento e Humanização" na categoria "Infância e Adolescência". A Brinquedoteca ocupa parte do espaço da sala de espera para coleta de material biológico para realização de exame de DNA e está disponível para as crianças que acompanham as pessoas que passam diariamente pelo Instituto, tanto para estas perícias quanto para as perícias de medicina legal. Com isso, o Instituto participa da Rede do Selo 2019/2020 até o término de sua vigência.

Compartilhe esta notícia: